E a polêmica da vez no Facebook é: O Voto do Ministro Celso de Mello

Não sou o único que estava esperando um desfecho diferente da sessão de hoje do STF na qual ficou decidido que seriam acatados os embargos infringentes e que isso conduzirá o julgamento do Mensalão, a um “continue” e não a um “game over”!

Porém temos que ponderar algumas coisas e deixar um pouco as paixões de lado e pensar de maneira mais fria e lógica.

Os embargos infringentes são previstos em lei. Ou seja, o que os ministros que votaram a favor fizeram não estava fora da lei.

Mas e quem votou contra?! Estavam descumprindo a lei?!

Não… Não…

O Direito, não é uma ciência cartesiana! Ela é uma ciência passível de interpretações por seus agentes. Nesse caso, os agentes foram os Ministros do STF. Um grupo entendeu que aos réus da ação 470 não cabiam os embargos infringentes e um outro grupo interpretou de forma contrária, isto é, que os tais embargos caberiam à ação! E ponto final!

O que não podemos, meu camaradas, é agora achar que o Judiciário é o culpado por as leis existirem! Não não… Quem tem quase quarenta anos de idade deve lembrar com quase ou nenhuma saudade das aulas de OSPB (Organização Social e Política Brasileira) e Moral e Cívica. Nessas famigeradas aulas, fruto do regime militar, era ensinado que o Poder Legislativo cria as Leis (vejam bem, é o Legislativo quem cria as leis!!!!) e o Judiciário faz cumprir as leis!

Desta forma, camaradas, a nossa fúria não deve ser direcionada ao STF nem muito menos à pessoa do Ministro Celso de Mello!!! Quem fez as leis ser como elas são, cheias de brechas, de falhas, de absurdos, de paradoxos e outras tantas outras anomalias, não foi o Poder Judiciário, mas sim os nossos Legisladores, nossos senadores e deputados. Sim, esses senhores e senhoras, é que são os responsáveis por nosso sistema legal ser como é! O Judiciário, coitado, é apenas um aplicador da lei! Sei que estou simplificando muito a questão mas essencialmente a coisa é assim.

Talvez este episódio possa nos servir como uma grande lição! Que nosso povo se torne mais politizado, que se interesse mais pela vida política desse país, que não basta somente votar a cada dois anos e tchau e “bença”! Não dá mais para abrir a boca e dizer com um certo ar de orgulho: “Eu não gosto de política! Não suporto política!!” Temos que gostar de política! Temos que viver a vida política de nossa cidade, de nosso Estado e de nosso País! Temos que debater política!

Lembremos sempre que os deputados, sejam eles estaduais ou federais, senadores, vereadores, e membros do executivo, enfim, os políticos que estão exercendo um mandato, não estão lá por obra de um ser divino que os colocou lá! Eles estão lá por obra do voto livre e democrático da população! Não adianta ficar de mimimi porque o Renan Calheiros, por exemplo, é hoje o Presidente do Senado. Ele foi eleito pelo voto livre e popular! Assim como não adiantará nada as manifestações que tomaram de conta de nosso país durante o mês de junho, na Copa das Manifs, se ano que vem o mesmo Congresso que aí está for completamente reeleito!

Amigos, politizemo-nos!!!! Urgentemente!!!! E não coloquemos no Judiciário toda a culpa por conta de uma coisa que nós, enquanto eleitores, temos grande parcela!

Escreva o que pensa a respeito...

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s