[ Recortes da Aula de Filosofia Política – Maquiavel ]

13052014093834

Dando continuidade a série de posts com os “recortes” das aulas de Filosofia Política trago mais uns pontos interessantes que podem ser bons para iniciar um debate sobre o pensamento político de Maquiavel bem como também é útil para conhecer melhor esse personagem tão polêmico.

Mais uma vez trago alguns recortes do livro (Maquiavel, de Newton Bignotto) que estamos estudando.


“Aqueles que apenas convencem os homens a seguir um novo caminho quase sempre são derrotados em seguida, pois “a natureza dos povos é mutável, e é fácil persuadi-los de uma coisa, mas difícil mantê-los convencidos””.

“As coisas humanas resistem apenas o tempo que lhes é possível, sendo em seguida corrompidas pelo efeito de sua própria natureza, pois como diz no primeiro capítulo da terceira parte de seus Discursos: “Nada é mais constante do que essa verdade: tudo o que existe no mundo tem limites em sua duração”. Os governantes que herdam o poder já legitimado por uma longa prática, e que têm a ilusão de que nunca serão destituídos, são muitas vezes derrotados exatamente porque não se prepararam para situações difíceis, confiando na estabilidade das coisas humanas”.

“Os homens amam repetir seus comportamentos e se agarram à sua forma de agir, quando ela os conduz ao sucesso, mas têm muita dificuldade em reconhecer que nem toda a habilidade de um grande comandante militar ou de um príncipe é capaz de dominar todas as possibilidades contidas na história. O que Maquiavel afirma, portanto, é que, embora a natureza humana seja repetitiva e que valha a pena recorrer à história para aprender com seus exemplos, não sabemos nunca como uma determinada situação particular vai evoluir”.

“…a fortuna torna cegos os homens, para melhor executar seus desígnios”.

“Se o governante não pode esperar dos homens um comportamento virtuoso constante, por que deveria exigir de si mesmo uma tal virtude? Maquiavel mostra então que o amor não é um sentimento que possa ser induzido pelo comportamento do outro. O temor, ao contrário, deriva no mais das vezes de condições bastante objetivas, que podem ser criadas pelo comportamento decidido do governante. Assim, embora fosse desejável ser amado e temido ao mesmo tempo, o que é extremamente raro, diante da necessidade de escolher, o temor é o melhor caminho para os que não querem perder o poder”.

“…o governante que for extremamente liberal com as finanças do Estado acabará por reduzir seus súditos à miséria, ou será obrigado a propor novos impostos, para cobrir os gastos que não podem ser sustentados, quando a fonte dos recursos do Estado secar devido à grande liberalidade do governante para com os habitantes da cidade”.

“Um governo fraco pode ser muito mais nocivo do que um governo forte, se não souber administrar o uso da força. Ora, o que Maquiavel acredita de fato,. e era com razão considerado subversivo em sua época, é que a religião cristã enfraquece os homens e os leva a agir de maneira cada vez mais errática, o que é uma fonte segura de sofrimento.

O que torna complexa a vida política é o fato de que ela existe num terreno no  qual nem sempre as intenções de todos os atores são conhecidas ao mesmo tempo. A crença de que a natureza humana é transparente e pode ser compreendida em toda a sua extensão não faz parte das reflexões de Maquiavel”.

“…se não podemos ser virtuosos o tempo todo, também não podemos deixar de passar a ideia de que somos viciosos. Os homens não possuem um padrão seguro de julgamento. O que atribuímos a um governante é com frequência fruto de uma mistura de nosso próprio desejo, do que nos dizem a respeito dos que ocupam o poder e do que o príncipe diz de si mesmo”.

Escreva o que pensa a respeito...

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s