[ Lições da Caverna do Facebook – Os Pensadores Binários ]

binario

 

Binário é o adjetivo masculino que indica algo que tem duas unidades ou algo que é composto por dois elementos de informação. Na Matemática temos o sistema de numeração binário que é o mais simples sistema pois é composto apenas de dois números, zero e um. Na Lógica Clássica, ou Lógica Aristotélica, também temos um sistema binário, isto é, os valores de verdade de uma determinada proposição só podem ser ou verdadeiro ou falso, nunca os dois simultaneamente, nem muito menos um terceiro valor (Princípio da Não-Contradição e Princípio do Terceiro Excluído, respectivamente).

Com essa breve definição do que quer dizer a palavra binário podemos agora avançar no objetivo deste texto: falar sobre os pensadores binários que habitam na Caverna do Facebook.

A Caverna do Facebook está repleta de pensadores binários. O pensador binário é facilmente identificado. Geralmente ele aceita somente um posicionamento de ideias: o dele, ou de quem comungue com o que ele pensa. Para o pensador binário, quem não pensa como ele está errado, certo somente ele ou quem compartilha da mesma linha de pensamento.

Os pensadores binários da Caverna do Facebook geralmente vivem em grupos (ou seriam bandos?!) compartilhando as mesmas informações, os mesmos posts, os mesmos JPEGs, mesmos vídeos. É como se os pensadores binários vivessem numa espécie de mundo próprio, numa realidade que eles mesmos construíram para poder resistirem a realidade que não é binária. O mundo fora da bolha binária é muito diferente!

Uma vez que os pensadores binários da Caverna do Facebook não aceitam aquelas ideias que são contrárias às suas linhas de pensamento, estas são vistas como negações das suas verdades, ou também podem perceber as suas verdades como sendo negações das ideias dos outros. Pensadores binários geralmente encaram quem pensa diferente como uma espécie de inimigo a ser vencido ou até mesmo eliminado para que não haja oposição aos seus pensamentos.

Pensadores binários aqui e acolá se deparam com dilemas. Como a realidade, a vida real de fato não é binária, é extremamente mais complexa do que essa lógica do SIM ou NÃO, VERDADEIRO ou FALSO, quando uma determinada personalidade que o pensador binário acreditava pensar como ele demonstra uma mudança de pensamento, logo o pensador binário entra em conflito. “O que fazer? Aquele que eu acreditava pensar como eu não pensa mais!! Agora irei negá-lo?!” Imediatamente o pensador binário passa a buscar uma desculpa para a mudança de postura daquele que ele antes acreditava compartilhar de suas ideias. Comumente, para não admitir que possa eventualmente estar equivocado, o pensador binário trata logo de encontrar um bode expiatório para culpar.

Uma outra característica comum dos pensadores binários é a sua grande facilidade de criar heróis, ou seja, personalidades ilustres, famosas que compartilham de seus pensamentos e ideias, bem como construir vilões, que são “os outros”, os que pensam diferente. Logo podemos dizer que pensadores binários são altamente maniqueístas. E por conta desse maniqueísmo bobo e infantil é que os pensadores binários acabam entrando em outros dilemas. Os heróis dos pensadores binários são idealizações, são aquilo que ele gostaria que fossem. Acontece que na vida real as pessoas são muito mais do que idealizações, elas são complexas e não cabem nessa lógica de BEM x MAL. Quando o herói do pensador binário faz algo reprovável, lá se vai nosso pensador binário entrar em conflitos existenciais e também buscar uma desculpa para tal ato.

Pensadores binários geralmente se informam somente através de uma ou de poucas fontes contanto que sejam fontes que digam aquilo que ele deseja ler ou ouvir. As fontes de informação que não comungam com o que o pensador binário acredita são sempre alvos de suas tentativas de desconstrução, de desmoralização. É comum o pensador binário tentar fazer com que outras pessoas ainda não binárias como ele passem a ser simplesmente dizendo a elas que elas não deveriam acreditar em certas fontes de informação. O pensador binário também se mostra uma espécie de tutor daqueles que ele acredita ainda serem ingênuos.

A Caverna do Facebook se tornou terreno fértil para o aparecimento de pensadores binários. Acredito que a facilidade de compartilhamento de informação, aliada a uma certa preguiça mental foram os fertilizantes essenciais para a proliferação desses espécimes. A pressa também é um ingrediente que faz parte da composição do pensador binário. O pensador binário costuma fazer uma análise bastante rasa dos fatos. Sua visão de mundo é bastante limitada por uma espécie de túnel de verdades pessoais que lhe impede de “olhar para os lados”!

Para não se tornar um pensador binário a primeira coisa que devemos fazer é: aceitar que a vida real é muito mais complexa do que SIM ou NÃO, isto é, as respostas para os questionamentos da vida não cabem num simples VERDADEIRO e FALSO. A complexidade da vida é altamente nebulosa e é mais fácil dizer que há graus de certezas em muitas coisas e que são poucas as verdades absolutas quando se fala de sociedade, de interação humana. Uma vez que se aceita isso, o segundo passo é nutrir uma postura cética diante dos fatos. Não acreditar piamente e nem muito menos desacreditar imediatamente. Reflexão, esta é a palavra de ordem. É necessário parar para pensar, colocar nossas próprias verdades pessoais em xeque. Ter calma nos julgamentos, eis outro ponto fundamental para não se tornar um pensador binário.

Escreva o que pensa a respeito...

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s