[ Todos Implicados?! Cresce a tendência de buscar um acordão para salvar TODOS ]

cancer-prostata-celula-defesa-20110620-original3

Ao ler (e ouvir) em diversos meios que quanto mais as delações premiadas avançam mais a sensação de que boa parte da classe política brasileira está implicada em algum tipo não muito republicano de recebimento de benesses uma apreensão passa a rondar meus pensamentos: que podemos em breve estar diante de um amplo acordo para salvar todos.

Minha apreensão se fundamenta nas seguintes premissas:

1. A classe política está altamente abalada com tudo o que vem sendo dito. Boa parcela da população, leia-se eleitores, que já via com bastante descrédito os entes políticos cada vez mais perde a crença nos mesmos.

2. Políticos são seres vivos. E como um bom ser vivo possui instinto de preservação. Logo, diante das ameaças a sua existência, ou a existência de seus privilégios, eles irão se defender. Não vão em hipótese algum cometer um harakiri coletivo em breve. Eles tentarão a todo custo se manterem vivos.

3. Para se manterem vivos politicamente, muito provavelmente uma boa parcela dos entes políticos irá fazer uma boa análise do custo de oportunidade e ver que é preferível trair seus ideais (e ideologias) a ser condenado ao limbo e esquecimento eleitoral.

4. O que está vindo à tona é nada mais nada menos que a constatação de muita coisa que a população em geral apenas supunha mas nunca tinha provas concretas de que essas coisas eram feitas. Ficou claro que o dinheiro não tem ideologia. Praticamente todos os partidos de todas as cores e bandeiras, em maior ou menor grau, se beneficiaram de doações (ou seriam investimentos?) feitas por empresários. O Sérgio Machado explicou didaticamente como funcionam os esquemas.

5. Políticos formam uma classe. E como toda classe que se preze quando os mesmos são ameaçados eles tendem a juntar forças pela preservação da mesma, isto é, pela sobrevivência de todos. É o famoso momento de união para todos se salvarem. Ou será que alguém vai querer virar mártir?!

6. O sistema político é de certa forma um organismo vivo e como todo e qualquer organismo vivo ele tenderá a acionar seus mecanismos de defesa ao menor sinal de ameaça percebida.

Isto posto, tenho receio de que à medida que as investigações e as delações vão avançando para cima da classe política cada vez o sentimento de que todos estão ameaçados e que para sobreviverem a este Armagedom a única saída será a união de todos e prás cucuias as ideologias, os ideais, os valores morais, et cetera et cetera e mais outras tantas et cetera! E assim se construa um grande e amplo acordo para livrar todo mundo.

Caso esse grande acordo de salvação geral de todos aconteça, como reagirá o distinto e respeitável público? Será que assistirá, como sempre e de costume, inerte?! Será que as massas eleitorais irão se vingar através das urnas? Surgirão novos nomes que não comungarão com esse acordo e agirão como denunciantes do mesmo e assim se colocarão como alternativa a tudo que aí está?!

Dúvidas… Dúvidas… Dúvidas… Somente dúvidas… E somente o tempo dirá quais as respostas…

Escreva o que pensa a respeito...

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

w

Conectando a %s