[ Sobre o derradeiro mês do período eleitoral ]

E eis que estamos caminhando – alguns cantando outros não – para o derradeiro mês de campanha política neste ano de 2016 d.C.

O último mês geralmente é quando os ânimos dos candidatos e dos seus simpatizantes, militantes, apoiadores, cabos eleitorais e torcedores em geral estão mais acirrados ainda! E assim sendo a razão cede lugar mais ainda à emoção!

E quando a emoção fala mais alto tem gente que fala o que não deve, tem gente que imagina o que não está acontecendo, tem gente que vê o invisível, em suma, cada um vê, ouve e sente aquilo que seu conjunto de crenças deseja que seja visto, ouvido e sentido!!! E como a psiquê de boa parte das pessoas que não possuem algum transtorno mental tende à felicidade, é fato que por mais cinza que se apresente a realidade a maioria tenderá a querer ver a vida, através de suas lentes pessoais, mais cor-de-rosa ainda!!!

Quando essa tendência à felicidade é ameaçada por algum fator ou por alguém é natural que cada um tente defender a sua visão de felicidade, de correto, do rumo que as coisas devem tomar. Resumindo: quando se avista uma ameaça à felicidade o instinto de preservação da espécie humana levará ao ataque para defender-se de ameaça ou mesmo eliminá-la!!!

Assim é que a partir desse derradeiro mês iremos presenciar não somente nas redes sociais digitais como fora delas um sem número de ações para tentar eliminar alguma ameaça. É provável que todos os postulantes a algum cargo eletivo se sintam ameaçados de alguma forma. E aí sobram baixarias!!! Sobra também terrorismo eleitoral!!! Sobra também demonizações!!! Sobra muita contrainformação também!!!!

O terrorismo eleitoral vai se fazer presente tão logo anunciem que se candidato X for eleito, ou se candidato Y não for eleito, N programas e ações que hoje existem e que estão dando certo, deixarão de existir! Afinal de contas a ameaça a felicidade é um vetor fortíssimo para que outras pessoas se engajem na causa de eliminar a ameaça à felicidade. Ora ora ora, mas será que ainda existe gente que acredita nisso?! Parece-me que sim! 😦

A demonização acontece quando tudo de ruim que alguém pode representar para a espécie humana se faz presente em um candidato. Como se aquele ser fosse a própria encarnação do mal!!! A demonização é um pouco do terrorismo político. Logo os que demonizam o outro se apresentam como bons, puros ou no mais demagógico dos casos, como aqueles que vieram ao mundo para salvar os eleitores do mal que o outro demonizado representa!

Ah… Vão aparecer também aquelas teses altamente apocalípticas nas quais é dito que se candidato X for eleito ou se Y não for, o país ou o Estado vão afundar em um caos social, ou que as sete pragas do Egito irão voltar em uma versão verde-amarela!

O roteiro político-eleitoral visto dessa forma parece ser como um daqueles filmes altamente previsíveis no qual o vilão, andando lentamente, persegue a mocinha que corre desesperadamente e mesmo assim lá adiante ele está frente a frente com ela como se tivesse se teletransportado!

Meu amigos, meus leitores, vamos e venhamos, qualquer escolha eleitoral, assim como as muitas outras, é uma aposta que fazemos. E como apostas não temos condições de ter 100% de certeza se ela foi a mais acertada. Não há a mínima possibilidade de termos 100% de certeza – vejam bem, estou jogando com 100% de certeza – de que algo realmente acontecerá caso X seja eleito ou Y não o seja!!! Além do mais, essas certezas que nosso inconsciente nos apresenta são tão somente motivadas por questões emocionais ligadas àquele candidato que se apoia. Percebo que nosso eleitorado é bastante passional! Dificilmente quem é muito apaixonado por alguém, mesmo que esse alguém seja um político, enxergará nele defeitos. No mais são somente especulações. E as especulações irão aumentar cada vez mais. Cada vez mais iremos ver aqueles mais aflitos gritando: “O fim está próximo!!! O fim está próximo!!! Corram para as montanhas!!!”

Creio que a melhor postura que podemos ter nesse derradeiro mês de campanha eleitoral é nos pautarmos mais ainda pela razão do que pela emoção. E aguçarmos o nosso senso crítico e também deixar bem evidente o ceticismo quanto às previsões apocalípticas!!! Mas não deixando também alienar-se a tudo que acontece!

Escreva o que pensa a respeito...

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

w

Conectando a %s