[ O Valor da Palavra Dada ]

Ontem a noite estava vendo uma entrevista do Dr. Drauzio Varela no programa do Mário Sérgio Conti.
 
Num dado momento, quando o Dr. Drauzio falava sobre experiências que ele viveu enquanto atendia nos presídios um fato muito chamou a minha atenção.
 
Antes de entrar na história propriamente dita o Dr. Drauzio lembrou que ele havia crescido em um bairro operário e lembra muito bem que naquela época ouvia os adultos dizerem que a palavra de um homem era uma das coisas mais valiosas que podiam existir, ou seja, você dar a sua palavra era tão importante quanto assinar um contrato. E hoje esse conceito mudou muito. Nem contratos, de papel passado e tudo se respeitam mais quanto mais a palavra dada.
 
Pois muito bem…
 
Logo após essa breve história o Dr. Drauzio relatou que nos presídios a palavra de um homem ainda tem muito valor. Ou seja, quem não cumpre com a palavra dada é duramente punido, muitas vezes pagando com a própria vida. Creio que fora dos presídios, nas relações entre aqueles que estão à margem da lei a coisa seja assim também.
 
Chega a ser curioso que numa sociedade que vive à margem da nossa o valor da palavra dada seja tão diferente, isto é, a palavra dada tem grande valor. Creio que isso renderia um estudo interessante para aqueles que pesquisam as relações sociais, tais como cientistas sociais, antropólogos, etc.

Escreva o que pensa a respeito...

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s