[ Choque de Gerações ]

 
Estavam dividindo aquela mesa redonda, numa biblioteca, um professor de 42 anos de idade e um jovem que aparentava ter pouco mais de 19 anos. O professor já ocupava a mesa fazia algum tempo. O estudante chegou e desastradamente bateu na mesa, e logo pediu desculpas pelo malfeito.
 
A mesa que os dois dividiam era daquelas que quando você se apoia nela ou a toca com pouca delicadeza, balança. Dependendo da falta de delicadeza, a mesa balança muito.
 
Tanto o professor como o estudante estavam diante notebooks.
 
Acontece que o jovem estudante, como muitos jovens estudantes, parecia ser uma pessoa ansiosa, bastante ansiosa. Poderia ser que ele estivesse estudando para uma prova ou talvez o que ele estudava não estava sendo bem compreendido. Enfim, o estudante constantemente batia na mesa, o que provocava um certo tremor na tela do notebook do professor. Digitava com certa fúria que também provocava movimentos na mesa.
 
Quando o estudante não batida na mesa ele empurrava alguma cadeira próxima com algum movimento dos pés. Sim, haviam duas cadeiras vazias e era visível o temor do professor que mais dois estudantes igualmente nervosos resolvessem vir até aquela mesa compartilhar o espaço.
 
O professor tentava ler uma dissertação. A leitura não era das mais prazerosas. Não era como ler um romance, ou obra do gênero. Ler dissertações, dizia aquele professor, fazia parte dos ossos do ofício. Mas não era tão ruim quanto corrigir provas.
 
E o tempo foi passando e o estudante ansioso ficava cada vez mais ansioso e cada vez se mexia mais e abria e folheava um livro na esperança de encontrar a iluminação que insistia em não vir.
 
Nisso, o professor de 42 anos, com alguns cabelos brancos, não somente na cabeça mas na barba também, já um tanto incomodado com os tremores da tela do seu notebook, pensava e refletia: “Será que com o passar dos anos vamos ficando mais impacientes e incomodados?! Ou será que é maldade minha não me compadecer do estado de espírito dessa pobre alma que está à procura da luz através dos livros!?”

Escreva o que pensa a respeito...

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s